Cloud CPE da Juniper amplia as oportunidades para os provedores

Publicado em Virtualização, por Juniper em 12/11/2015



No mundo atual, centrado na Web, os usuários finais querem simplicidade, confiabilidade e controle completo sobre seus serviços de rede. A Juniper Networks prontamente atendeu essas necessidades com a CPE (Customer Premises Equipment) virtual, produto lançado no NXTWORK2015, realizado no início de novembro em Santa Clara, Califórnia (EUA).
 
O novo Cloud CPE possibilita aos provedores de serviços hospedar as funções na nuvem distribuída (NFV) e oferecer aos clientes um produto customizado e de baixo custo. “O Cloud CPE é um produto que vai romper várias barreiras e vai trazer evolução para o mercado”, afirma Rogério Munuera, gerente de vendas Juniper Networks Brasil. Isso porque vai permitir ao provedor colocar novos serviços tanto dentro da casa ou escritório do cliente, quanto na nuvem sobre uma platafomra x86.
 
O produto incorpora o Contrail Service Orchestration e o NFX250. O Contrail é uma plataforma completa de orquestração que faz ativação dos serviços com mais agilidade e gerencia serviços virtuais de redes, assim como segurança virtual. O NFX250 é a primeira de uma série de plataformas de serviços de rede que podem operar com segurança equipamentos do usuário que rodam simultaneamente múltiplas funções virtuais de rede, tanto em equipamentos Juniper como de terceiros.
 
O lançamento da NFX250 foi bem recebido pelos clientes e parceiros, pois esta “CPE” já traz embarcado o gateway de serviços vSRX com roteamente e segurança. Adicionalmente, o NFX250 possui um sistema interno virtualizado que permite ao cliente incluir aplicações desenvolvidas para x86 e baseados em VM. Isto significa, principalmente, ganho de tempo e economia de custos para o cliente. Munuera lembra que, no modelo tradicional, o cliente precisa investir em Capex e tem um tempo de ativação do serviço alto. “Com o NFX250 essas questões foram solucionadas”, enfatiza.
 
Com esse conjunto de soluções, as principais vantagens da Cloud CPE são:
 
  • Com a automação, simplifica a criação e entrega de serviços, reduzindo o processo para alguns minutos e não mais meses.
  • Flexibilidade é outra característica da Cloud CPE, pois dá ao usuário a liberdade de criar serviços tão rapidamente quanto aparecem as demandas.
  • Plataforma de orquestração em padrão aberto em todo o ciclo de vida do serviço (desde o projeto até a ativação), operando em rede multi-vendor.
  • O NFX250, que viabiliza a Cloud CPE, elimina os múltiplos boxes no site do cliente e é capaz de rodar elevadas quantidades de funções virtuais em um só equipamento baseado em software, reduzindo significativamente custos e atualizando funções de rede sem a necessidade de comprar novo hardware.
  • Pode ser implementado de três maneiras: distribuído na casa do cliente; centralizado na nuvem; ou como uma camada sobreposta com gerenciamento local.
  • O usuário da Cloud CPE também pode unir facilmente os mundos virtual e físico de redes com entrega de serviços por meio dos roteadores físicos MX (MX Series 3D Universal Edge Routers) ou virtuais, os vMX da mesma série.

 

 

 


Tags: Nuvem, Virtualização, CPE, NFV, Contrail, Flexibilidade, Provedores, Capex, Custo, Serviços, Controlador


Tags: nuvem, virtualizacao, cpe, nfv, contrail, flexibilidade, provedores, capex, custo, servicos, controlador


Posts Relacionados


Deixe seu comentário:

=